Entenda as diferenças entre mestrado, doutorado, MBA e especialização e o qual você deve escolher

Como escolher sua especialização profissional é tão importante quanto a escolha do curso de graduação.

Contudo, a experiência em uma faculdade permite uma melhor escolha de qual especialização profissional seguir.

Porém, nem sempre essa experiência ajuda na hora de escolher. 

Por isso, neste post irei esclarecer todas as dúvidas sobre como escolher sua especialização profissional disponíveis e ainda quais fatores devem ser levados em consideração na hora da escolha decisiva.

Preparado? Vamos lá!

Entenda sobre a especialização profissional

Uma especialização profissional pode ser considerada uma formação complementar em uma área específica de sua formação.

Existem dois tipos principais, especialização stricto sensu e lato sensu.

Os cursos em stricto sensu são uma continuação da graduação, como um mestrado e/ou doutorado. Procurados por indivíduos que procuram seguir a área acadêmica ou trabalhar com pesquisa científica.

Assim, uma especialização stricto sensu consistem em cursos com uma maior carga horária, em geral, superior a 360 horas.

Ainda dentro dos cursos stricto sensu, mais voltados para a área acadêmica, existem o mestrado profissional que leva em consideração o conhecimento teórico, bem como a aplicação prática do tema na indústria.

Os cursos de especialização lato sensu, por outro lado, são cursos com menor carga horária, carga inferior a 360 horas, os quais fornecem um certificado no final da jornada de estudo, ao invés de um diploma.

Entre os cursos lato sensu, os mais procurados são cursos de MBA (Master in Business Administration), sendo uma especialização geral para área corporativa.

Esse tipo de especialização atrai, em maior parte, empreendedores e empresários.

O tipo ideal de especialização profissional dependerá do mercado de trabalho da sua área de formação.

Lembre-se que uma especialização stricto sensu está mais relacionada a comunidade acadêmica, enquanto que uma especialização lato sensu é voltada para o mercado de trabalho, em geral.

Além disso, começar uma especialização profissional pode variar de acordo com a sua necessidade. 

Para a realização de um MBA, recomenda-se esperar de 2 a 3 anos após a formação básica para uma melhor experiência no mercado de trabalho.

Já outras áreas que necessitam de mestrado e/ou doutorado para uma melhor qualificação emendar a graduação com a pós- graduação é um fato usual.

Escolhendo a especialização profissional

Antes de escolher uma especialização profissional é necessário um estudo sobre diversos fatores, entre eles o seu tema do curso a ser estudado, bem como o seu objetivo com a pós-graduação.

O tempo disponível e o custo do curso também são fatores muito importantes. Principalmente para aqueles que irão conciliar o trabalho com os estudos.

Além disso, diversos imprevistos podem ocorrer durante o tempo da especialização profissional, por isso, escolha uma pós-graduação que consiga encaixar no seu orçamento.

A hora certa de começar a sua especialização profissional não existe, porém, aconselha-se a não emendar a graduação com a especialização. 

Procure obter experiência no mercado para assim escolher um curso de pós-graduação mais informado.

Além disso, é preciso ter em mente se o período escolhido para começar esteja alinhado com a sua mentalidade.

Uma especialização profissional demandará tempo, esforço e dedicação. Por isso, apenas comece se você apresentar a convicção de levá-la até o final, estude com afinco.

Entre os diversos tipos de especialização, opte por aquele que melhor se adapte no seu objetivo. E ainda, muitas especializações permitem conectar diferentes áreas e disciplinas.

Lembre-se a especialização vem passar novas informações, em muitas ocasiões, a convivência prática do conteúdo para complementar uma área já estudada.

Assim sendo, não escolha uma área de estudo muito distante da sua área de formação. O melhor aspecto é optar por realizar uma segunda graduação na nova área desejada se os temas se encontrem muito distantes entre si.

Com a especialização profissional maior será o peso do currículo profissional, por isso é preciso ter em consideração o local a qual a mesma será obtida.

Opte por faculdade conhecida na área de mercado, além disso, estude com profissionais relevantes para o mercado de formação.

Além disso, informe-se buscando pessoas que fizeram uma especialização para conselhos da vivência da área, assim como recomendações de faculdades.

Conclusão

Escolher um determinado curso de especialização profissional demanda tanto esforço quanto à escolha da sua área de formação profissional.

Por isso, o processo de escolha não deve ser apressado. É preciso pesquisa sobre a área de estudo, a universidade e ainda sobre a sua motivação para continuar os estudos.

Por se tratar de uma especialização profissional, os cursos trabalham o seu conhecimento já adquirido. Logo, prepare-se para estudar cada vez mais.

Procure saber a necessidade de uma especialização profissional na sua área de trabalho.

Indique nos comentários se você está cursando algum tipo de pós-graduação e o que levou você a escolher o seu curso de especialização profissional.

Leia também sobre produtividade e “Consultoria de marketing:Como embalar seu serviço” aqui no Negócios de Saúde. Leia tambem “A diferença entre medo e ansiedadeh