A prática esportiva durante a gravidez é recomendada pela Organização Mundial da Saúde (OMS), pois oferece muitas vantagens para as mulheres nessa fase, contribuindo para o condicionamento físico e o fortalecimento da sua saúde e do bebê. O pilates para gestantes é um exemplo de prática muito benéfica, desde que autorizada pelo médico.

Se você tem um estúdio de pilates e deseja ampliar sua clientela, atendendo mulheres nessa fase, é importante fazer algumas mudanças em seu estúdio. Por isso, selecionei abaixo orientações bem pertinentes e que podem ajudar nessa empreitada. Boa sorte e sucesso nos negócios!

Pilates para gestantes: passos para adaptar o seu estúdio  

O mais importante é pensar na adaptação do espaço físico para que o pilates para gestantes seja feito de forma adequada garantindo segurança à cliente e seu bebê. No caso:

  • • Opte por acessório que ajudam nas práticas;
  • • Pode utilizar as ferramentas habituais (cadillac, reformer, entre outros), mas escolha opções direcionadas a pilates para gestantes;
  • • Pense em toda a infraestrutura para garantir opções e comodidade nas práticas esportivas; 
  • • Tenha uma programação de atividades voltadas para o início, meio e fim da gestação e dê toda a orientação possível à cliente;
  • • Busque aulas personalizadas e esteja à disposição para oferecer as melhores experiências 

E o mais importante: o estúdio tem de contar com profissional bem preparado e com conhecimento para auxiliar as gestantes nas atividades. Além disso, atenda pacientes que estejam liberadas para o pilates, segundo orientação médica. 

Orientar e cuidar

Além de disponibilizar infraestrutura e acompanhamento profissional, reforçamos que o seu estúdio tem de estar à disposição para orientar as alunas, buscando os melhores resultados. Isso implica em:

  • • Acompanhar de perto as necessidades da cliente;
  • • Observar seu desempenho;
  • • Buscar saber sobre o seu bem-estar e quais são os benefícios vivenciados na rotina dela por meio do pilates para gestantes
  • • Adaptar exercícios com foco na segurança e saúde da gestante; 
  • • Trazer dicas preciosas de outros profissionais como alimentação, qualidade no sono e bem-estar, que podem ser usadas no dia a dia dela;

Para entender a importância de tudo isso, saiba que se trata muito mais do que disponibilizar um serviço de qualidade, mas oferecer atenção e cuidado. A gestante tem de se sentir num espaço seguro, que promova a sua saúde e de seu bebê. 

Além disso, conta muito para ela, ter a certeza de que tem acesso a serviços que ajudam a garantir uma gestação equilibrada e saudável. 

Indicações importantes

O estúdio precisa deixar claro as vantagens do pilates para gestantes (veja logo abaixo mais dados), porém, a indicação médica é de que o método não seja praticado por parte de mulheres que sequer tiveram experiência com a atividade, antes da gestação. Nesse situação, há riscos de aborto e comprometimento na saúde do bebê. Por isso, é importante avaliar junto à aluna, qual é a sua experiência prévia sobre pilates.  

Quando a mulher não tem base, em termos de preparação física e muscular adquiridas por meio do pilates, ela pode sofrer lesões. Por isso, a atividade é mais indicada para quem já tem consciência corporal e prática a modalidade. 

Vantagens do pilates para gestantes e bebês

O pilates para gestantes é uma prática que não exige alto impacto. Mas assim como qualquer atividade física, para alcançar resultados satisfatórios, é importante manter um cardápio alimentar equilibrado. E as vantagens para o corpo são muitas: 

  • • Aumenta a flexibilidade;
  • • Melhora a respiração e condicionamento físico;
  • • Fortalece os músculos; 
  • • Traz melhoras quanto às dores do parto e após o nascimento do bebê;
  • • Oferece uma gestação saudável do início ao fim; 
  • • Fortalece a coluna; 
  • • Reduz complicações urinárias;
  • • Dá força à circulação sanguínea e melhora a oxigenação para a criança na barriga

Em geral, o pilates para gestantes prepara a mamãe quanto a cuidados futuros com o bebê, deixando-a com mais disposição física.

Pilates com o bebê

Uma opção interessante para estúdios que já oferecem pilates para gestantes é unir mamães e seus bebês em aulas especiais, que fortalecem a saúde de ambos. Mas para essa alternativa, é preciso muito cuidado, além de contar com profissionais preparados e capacitados para a função. 

A opção é uma boa pedida para praticantes de pilates que desejam retomar as atividades após a gestação e querem praticar a modalidade com os seus bebês. O ideal é juntar uma turma de mamães e crianças para fomentar a interação entre todos. Lembrando que a partir do segundo mês, as crianças já podem participar das atividades.

O pilates conecta mãe e filho, além de estimular o desenvolvimento motor da criança e melhorar suas percepções em relação ao mundo. O pilates ainda ajuda as mães no condicionamento e fortalecimento muscular, mas também traz mais disposição e bem-estar nessa nova fase em suas vidas. 

Leia também sobre planejamento e “Saiba mais sobre treinamento funcional” aqui no Negócios de Saúde. Leia também “Sono excessivo: Quando um bom sono não é o suficiente